A inteligência artificial vai dominar a fotografia?

Considerando que a Inteligência Artificial está relacionada ao conjunto de várias tecnologias, como redes neurais artificiais, entre outras que conseguem simular capacidades humanas ligadas à inteligência, podemos dizer que sim, a inteligência artificial e a fotografia andarão juntas.

Não apenas a fotografia, mas outras áreas, principalmente a medicina.

Com esses algoritmos, que lembram os produzidos pelo cérebro humano, as análises que são feitas pelos olhos dos fotógrafos, podem ser sim reproduzidas pelas AIs.

Porém, a fotografia é uma arte. Será que a experiência será a mesma?

Para responder a essa pergunta, vamos entender um pouco mais sobre a Inteligência Artificial.

A Inteligência Artificial – Visão Geral

Nos dias de hoje, o impacto da inteligência artificial em nossas vidas é até considerado pequeno.

Afinal, se você assistiu ao filme Vingadores – A Era de Ultron, talvez tenha achado toda a história muito surreal, e que história que acontece no filme não vai nunca acontecer realmente. E talvez a parte envolvendo super-heróis, não mesmo.

Mas há fatos e indícios de que em um futuro, não muito distante, será muito maior. As Inteligências Artificiais estão sendo inseridas em nosso cotidiano aos poucos, de acordo com os pequenos avanços que são feitos diariamente.

O impacto do avanço deverá afetar todas as profissões e negócios, o que inclui a fotografia e principalmente a carreira de fotógrafos.

A frota de carros autônomos, guiados por inteligência artificial vem crescendo…

Já existem robôs médicos que quando operam, já coletam amostra dos tecidos e fazem análise…

E inúmeros procedimentos, antes manuais, estão sendo otimizados por softwares turbinados com inteligência artificial, se não na totalidade, ao menos em partes críticas.

E, às vezes, o nome da automação não é chamado de inteligência artificial, levando outros nomes como software de predição, automação ou machine learning.

Hoje, quando escrevemos um email no Google Mail, ele é capaz de prever a sentença. Sem falar nas correções de portugues, inglês ou qualquer outro idioma que você esteja usando.

Estamos completando 10 anos que surgiu a frase “O software vai comer o mundo”.  E nada foi tão assertivo e ao mesmo tempo assustador.

A revolução do software, o que inclui um aperfeiçoamento e expansão avançada da inteligência artificial, é uma realidade e uma tendência sem sinais de enfraquecimento

E diante disso tudo vem as perguntas: A inteligência artificial vai dominar a fotografia? O mundo precisará de fotógrafos?

inteligencia-artificial-o-que-e

Câmeras Fotográficas com Inteligência Artificial

As câmeras fotográficas com inteligência artificial (AI Câmeras) estão começando a surgir. Elas incorporam elementos que já se tornaram um sucesso fora da câmera, e assim vão tornar mais fácil todo o processo de captura.

A Arsenal criou um software, que eles chamam de assistente de câmera, que vai automaticamente reconhecer a imagem capturada e fazer todos os ajustes necessários. 

É como se você trocasse o cérebro da sua câmera fotográfica, o que inclui fazer uma boa parte do trabalho que o próprio fotógrafo faz, como ajustar a velocidade e a exposição – tudo feito com inteligência artificial.

O sonho de ter fotos incríveis, sem editar, será possível usando inteligência artificial.

Um exemplo disso é o Google Photos, que já usa essa tecnologia para gerenciar e editar as fotos.

A Adobe, através da sua tecnologia Adobe Sensei, voltada à evolução da inteligência artificial na fotografia e tratamento de imagens, vem incorporando funcionalidades de inteligência artificial em seus produtos.

E a Adobe lançou recentemente o Photoshop Camera, que transforma o celular em uma câmera fotográfica. E graças a inteligência artificial, o grande diferencial deste produtos é detectar os objetos e ajustar os parâmetros das fotos automaticamente.

O que a Canon e Nikon dizem Inteligência Artificial?

Aparentemente nada é falado sobre inteligência artificial pela Canon e Nikon, o que causa uma lacuna e uma oportunidade para o surgimento de outras marcas de câmera e acessórios como a Arsenal.

Por não termos uma lista de funcionalidades feitas com inteligência artificial ligadas às câmeras fotográficas tradicionais, muitos fotógrafos vão pouco a pouco testando os celulares com boas câmeras junto com apps, que vão incorporando tecnologias no estado da arte, como é o caso da inteligência artificial.

A melhoria da fotografia por inteligência artificial é um progresso em andamento, e isso deve ser muito bem-vindo ao fotógrafo.

Mas será que a Inteligência artificial não traz também ameaças aos fotógrafos?

A resposta, é que pode ser que sim. 

o-que-e-inteligencia-artificial

Fotografia guiada, feita por inteligência artificial

Os drones são exemplos de objetos de ação, logística e diversão que podem se converter em poderosas máquinas de fotografar.

Com a pandemia, outro exemplo surgiu que trouxe a questão da fotografia sem o fotógrafo “por perto”. Trata-se da fotografia a distância.

Também chamada de fotografia remota, fotografar a distância virou uma tendência, principalmente no mundo dos famosos. Isso só é possível com a ajuda de aplicativos como o Facetime e outros apps de conferência. O Facetime está disponível apenas para IPhone.

E por falar nele, o IPhone se tornou um um celular disruptivo porque juntou três tecnologias em um só dispositivo: o telefone celular, o tocador de músicas/vídeo e “apps” de internet e comunicação online.

Para a Inteligência Artificial dominar a fotografia, acreditamos que precisará de uma espécie de união de tecnologias como fez a Apple com o IPhone.

Talvez um robô com uma super câmera, novas gerações de drones para ambientes indoor e câmeras poderosas e inteligentes para acompanhar os movimentos.

O mundo precisa dos fotógrafos?

A fotografia humanizada ainda é a maneira mais confiável para produzir fotografias incríveis e cumprir a vasta maioria dos serviços fotográficos.

Há usos específicos da fotografia, como na fotografia médica, onde acessórios e dispositivos tiram fotos e registram uma cirurgia, por exemplo, não precisando “mais” desses fotógrafos especializados, que precisavam estar presentes na sessão.

Sendo assim, tudo indica que os fotógrafos vão ser amigos da inteligência artificial, e toda tecnologia inovadora será bem-vinda na carreira fotográfica, sem nenhum problema.

Afinal, o mundo precisa dos fotógrafos para acontecer a arte fotográfica, tanto em nível de memória familiar e pessoal como também nos negócios.

inteligencia-artificial

Conclusão

Vivemos em constante evolução e transformação, principalmente quando abordamos temas ligados à tecnologia. A “invasão” da inteligência artificial em nossas vidas e rotinas, por mais que seja pequeno, já é um fato.

A questão é que , no futuro, algumas ocupações poderão ficar obsoletas, principalmente se envolverem risco de vidas para o humano. Mas a arte, essa sempre estará viva dentro do profissional da fotografia.

E o que não faltará, serão profissionais dominando essas tecnologias e transformando ainda mais o seu trabalho em algo mais extraordinário.

Portanto fotógrafos, fiquem ligados em todas as tendências do mercado da fotografia e não perca oportunidades.

E conte para nós, o que você achou deste artigo? Aqui no Blog da Alboom estamos sempre antenados e trazendo tendências e novidades do mercado para vocês.

Recomendamos também as leituras

Portfólio Online

As Melhores Dicas do Fotologia

Navegadores de Internet: As Melhores Opções e Tendências