O que é e como tornar o ensaio Trash the Dress inesquecível?

O fotógrafo Anderson Miranda foi um dos precursores desse estilo de ensaio fotográfico no Brasil.

Por esse motivo, entrevistamos o Anderson para que ele, de maneira bem especial, compartilhasse sua experiência e desse dicas de situações interessantes deste tipo de fotografia, que desde seu surgimento, continua sendo muito procurado por noivas e casais.

Neste artigo, você vai se inspirar com lindas fotografias, dicas de pose, cenário, direção e até dicas de sobrevivência, digamos assim, para você superar obstáculos seja você o fotógrafo ou a noiva/noivo.

O que é Trash the Dress?

De acordo com Anderson, o Trash The Dress é um ensaio fotográfico divertido e criativo, normalmente realizado depois do casamento.

A noiva ou o casal, em resumo, vão a lugares que jamais iriam, e aí está a graça.

Vão sujar ou estragar mesmo o vestido e a roupa em prol de uma experiência diferente, uma recordação a mais do grande dia do casamento.

Afinal, em tradução literal, Trash the Dress significa “Sujar o Vestido“.

O Trash the Dress é um ensaio fotográfico diferente do padrão e muitas vezes, conforme você verá nas dicas abaixo, precisa ser planejado com antecedência.

Trash the Dress – 15 dicas incríveis

Está sem ideias para fazer o ensaio pré ou pós casamento? 🤔

De forma exclusiva, preparada pela equipe editorial da Alboom junto com o Anderson, conheça 15 dicas para seu ensaio TRASH THE DRESS ficar verdadeiramente inesquecível.

Além disso, você encontra também as melhores ideias de cenas e locais para realizar seu ensaio.

ÍNDICE:

Aqui as 15 dicas que você vai conferir em detalhes a abaixo:

Dica 01: Anoitecendo na Praia

Um ensaio fotográfico ao entardecer na praia pode ofertar uma excelente oportunidade de esticar até o começo da noite.

Com um pouco de luz e usando flash, a linda fotografia abaixo foi feita com noiva deitada na areia, refletindo a água do mar.

ensaio-trash-the-dress-17-dicas-para-seu-ensaio-ficar-inesquecivel
Ensaio fotográfico ao entardecer na praia | Foto: Anderson Miranda

Dica 02: Sentada no chão

Encontre um belo lugar em um parque ou bosque para fazer o ensaio fotográfico.

Dessa forma, deixe o vestido de noiva aparecer e se destacar no ambiente.

O vestido da noiva é o maior símbolo do casamento e, assim, o contraste com o chão rústico torna-se impactante.

Invente uma ação para a fotografia ficar bem natural e poética, como amarrando os sapatos ou mexendo na cauda do vestido de casamento.

ensaio-trash-the-dress-17-dicas-para-seu-ensaio-ficar-inesquecivel
O mágico momento: cenário em contraste com o vestido da noiva | Foto: Anderson Miranda

Dica 03: Foto de Silhueta

Às vezes, o tempo pode surpreender, tanto positivamente como negativamente no dia da sessão fotografia.

Driblar a adversidade de um tempo fechado ou uma névoa pairando no local é, assim, uma excelente forma de estimular a criatividade.

Por exemplo, depois de 5 horas de viagem para chegar na serra Catarinense, o plano inicial de encontrar um um lindo dia ensolarado, mas não deu certo.

O jeito foi, portanto, encontrar locais interessantes para fotografar e explorar situações diferentes.

Ensaio fotográfico de casal feito durante ensaio Trash-The-Dress.
Em dias Nublados temos de encontrar locais diferentes para fotografar | Foto: Anderson Miranda

Dica 04: Aproveitar o céu

Com uma lente grande angular, você poderá incluir o céu de uma forma impactante na foto.

Sendo assim, sempre tenha com você os acessórios essenciais, para extrair o máximo possível do ensaio.

Fotografia de ensaio Trash-The-Dress com casal se beijando e grande destaque para o campo e o céu azul.
Fotografia: Anderson Miranda

Dica 05: No barco

Dirija a cena de maneira que a luz valorize a fotografia.

Nesse ensaio, foi pedido para que o barco fosse na direção correta, de maneira que o sol incidisse no rosto da noiva, realçando o sorriso dela e curtição do momento.

Foto de ensaio fotográfico com noivos abraçados em um barco, seguindo travessia no mar e com a luz realçando o sorriso da noiva que está de vestido branco.
A Direção fotográfica faz diferença no resultado do ensaio Trash The Dress | Foto: Anderson Miranda

Dica 06: Locais inusitados

Provocar interações entre o casal, além de deixar a fotografia mais espontânea, torna o ensaio fotográfico mais divertido.

Por isso, pensar em locais inusitados para fotografar, poderá deixar ainda mais sensacional as fotos.

Pontes, linhas de trem, ruínas e casas antigas são locais que representam, sobretudo, o espírito do ensaio Trash The Dress.

Quando esses cenários se conectam com a história do casal, você tem, como resultado, a oportunidade de um storytelling perfeito para contar.

Noiva caminhando na trilha do trem. Fotografia no estilo Trash-The-Dress, durante o dia.
Locais Inusitados: Resultados Incríveis | Foto: Anderson Miranda

Dica 07: Locais rústicos

Assim como os locais inusitados, os rústicos são cenários que talvez o casal jamais pensaria em fazer uma foto.

Mas, se há lugares muito sujos, deixe para o final do seu ensaio.

Dessa forma, você não prejudica as outras fotos que irão destacar o vestido da noiva.

Cena de fotografia de casal em galpão com carros antigos e sujos. Estilo Trash-The-Dress, com noivos em traje de casamento.
Foto: Anderson Miranda

Dica 08: Arquitetura

Explorar a arquitetura usando técnicas criativas de fotografia, sem dúvida, geram bom resultados.

Os Museus no Brasil, ou em qualquer lugar do mundo, são sempre ótimas opções para o ensaio Trash The Dress.

Caso não haja um museu interessante próximo ao local do ensaio fotográfico, procure fazendas, casarões antigos e locais preservados por entidades como a UNESCO.

Foto de noiva com vestido branco deitada no chão de um Museu.
Foto de Anderson Miranda, destacando a arquitetura do local.

Dica 09: Na praia

Acrescentar movimentos e ângulos ousados junto com uma expressão divertida do casal, é uma receita que sempre funciona para um ensaio fotográfico na praia.

Bem como ressaltar as gotas de água, fotografando contra a luz.

A brincadeira com água e interação entre o casal trazem assim resultados fantásticos.

Noivos brincando na agua do mar em fotografia pós casamento.
Foto: Anderson Miranda

Dica 10: Rochedos

Nos ensaios ao ar livre, você pode encontrar situações interessantes, como por exemplo, sombras em plena luz do dia.

Por isso, leve sempre um flash na mochila quando sair para fotografar o ensaio.

Foto com o casal na praia em ensaio fotográfico durante o dia. Noivos estão de pé, com traje formal e a noiva com um longo vestido.
Foto: Anderson Miranda

Dica 11: Relax no mar

A fotografia fala por si só: leveza e libertação da noiva.

E para o estilo Trash The Dress, mais um belo exemplo para usar sempre que possível, pois o vestido da noiva ganha outra dimensão.

Noiva, com longo vestido branco, flutuando no mar em ensaio fotográfico com os braços abertos.
Alegria e sensação de liberdade. Destaque no Ensaio Trash The Dress | Foto: Anderson Miranda

Dica 12: Romântico

Um tempo inusitado, como por exemplo esse um nevoeiro, criou um clima especial e romântico.

Explorar cenários que conectem o momento com o estilo do casal, tornam assim o ensaio Trash the Dress inesquecível.

Fotografia de casal pela manhã de outono, feita em ensaio Trash-The-Dress. A noiva está com longo vestido branco.
Foto: Anderson Miranda

Dica 13: Cenas inesperadas

Procurar situações inesperadas em cenas cotidianas é algo comum para fotógrafos.

Nesse caso, o local do ensaio fotográfico era próximo ao aeroporto. Então, o casal se beijando com o avião em cima foi uma cena que deu um efeito interessante.

Podemos destacar também o véu do vestido da noiva se misturando com o céu.

Ensaio fotográfico com noivos se beijando em um dia ensolarado e com um avião no céu.
Foto: Anderson Miranda

Dica 14: Urbano

Para casais que curtem o ambiente mais urbano, fotografar na rua, no meio da cidade, é uma excelente alternativa para o ensaio fotográfico.

Nesse sentido, você pode procurar uma rua com estilo arquitetônico diferenciado.

Sendo assim, com uma direção e um ângulo criativo a foto do ensaio fica interessante.

Fotografia de noivos em ensaio urbano. Os noivos estão de pé e uma rua com estilo arquitetônico antigo.
Foto: Anderson Miranda

Dica 15: Arquitetura II

A noiva sentada no chão e sem sapatos é outro clássico do ensaio Trash The Dress.

O detalhe que destaca essa fotografia é ângulo que aproveitou o detalhe da arquitetura urbana do local, mas também valorizou o vestido da noiva.

Noiva sentada na escada de uma igreja, em ensaio Trash-The-Dress com o vestido de noiva e os pés descalços.
Foto: Anderson Miranda

O Trash the Dress é muito mais que um estilo de ensaio!

O ensaio Trash The Dress é também uma excelente ferramenta de marketing para os fotógrafos, pois suas fotos chamam muito a atenção, agradam os clientes e valorizam o portifólio de fotografia.

Anderson acredita que o fotógrafo de casamento tem que ter boas fotos Trash The Dress no seu portfólio e destacá-las, tanto no portfólio impresso como no seu site.

Durante a entrevista com o Anderson ficou muito claro sua grande paixão pelo estilo.

O Trash The Dress permite ao fotógrafo mostrar muito sua versatilidade e criatividade, além de ser um produto a mais para comercializar e surpreender o cliente.

Quando fazer o Trash the Dress?

De acordo com Anderson, o ensaio Trash The Dress além de ser feito depois do casamento, a noiva deve usar um vestido próprio.

A autenticidade do Trash The Dress é o segredo para tudo ficar perfeito e inesquecível, pois as fotos de um Ensaio Trash the Dress, terão muito mais significado e muito mais valor no futuro.

E o que fazer quando o vestido da noiva for alugado?

Anderson, ao longo da sua carreira, muitas vezes se deparou com a situação onde a noiva alugou o vestido.

Sendo assim, ela deve devolve-lo intacto após o casamento.

Nessa situação, que elimina a possibilidade de fazer o Trash The Dress, ele começou a fazer ensaios fotográficos somente com a noiva antes do casamento e, por fim, batizou esse pré-wedding de Bridal Session.

Como fazer o Trash the Dress quando o tempo muda?

Se o tempo fechar ou chover ⛈️, o importante é não se desesperar, diz Anderson.

Afinal, o improviso também faz parte do cotidiano do fotógrafo e no Trash The Dress não seria diferente.

A dica aqui é usar a criatividade e buscar tirar proveito das adversidades, como mau tempo por exemplo.

A grande dica do Anderson para todo fotógrafo, sem exceção, é fazer um ensaio Trash The Dress sempre com a mochila cheia de equipamentos, ressaltando aqui o flash como um equipamento vital, principalmente se caso o tempo fechar.

Como o ensaio trash the dress pode ocorrer em locais remotos de assistência, acessórios úteis para o fotógrafo, assim como alicate e canivete, também podem ajudar a contornar imprevistos. 📸

Se você também possui dicas sobre o Trash The Dress, deixe nos comentários e contribua com nosso blog de conteúdos.

Sobre Anderson Miranda

Conheça a história do fotógrafo Anderson Miranda e sua fotografia visitando seu site www.andersonmiranda.com – feito com a plataforma Alboom.

Recomendamos para você:

O Dia do Fotógrafo: saiba tudo sobre a data comemorativa.

8 CommentsClose Comments

Leave a comment