O que é Storytelling para Fotógrafos de Ensaio, Casamento, Newborn e Família e aprenda como usar

Primeiramente, storytelling nada mais é que uma forma de se contar uma história e uma coisa que os fotógrafos precisam fazer bem é storytelling com suas fotos.

Encontramos elementos de storytelling em filmes, livros e até músicas. Em outras palavras, são aquelas histórias que costumam ter um sentido, um começo, meio e fim. Ela tem uma mensagem e um desenvolvimento cativante.

Já está começando a se identificar com isso, né?

Por mais brilhantes que as ideias possam ser, muita gente tem dificuldade em colocar no papel e, como resultado, pecam em suas narrativas.

E, na fotografia, não seria diferente. Fotógrafos do mundo todo divulgam seu portfólio online, mas não agregam valor ao contar aquele casamento, o ensaio ou o aniversário.

Quando o fotógrafo coloca as fotos no portfólio online, esquecem ou negligenciam o quão importante é a descrição daquele trabalho.

Acabam colocando um texto simples, sem elaboração. Algo que, muitas vezes, não passa a emoção que poderia passar.

As coisas ficam vagas e, às vezes, até sem sentido. E isso pode estar prejudicando o seu negócio.

O Storytelling serve para aguçar ainda mais o desejo dos seus clientes e é exatamente isso que mostraremos aqui!

20+ Dicas de Storytelling para fotógrafos

Se você é fotógrafo de casamento, deve estar pensando: Vou colocar as fotos em uma sequência que vai passar pela preparação, cerimônia e festa. E pronto, contei a história do casal.

Ter apenas as fotos do casamento com uma sequência (começo, meio e fim), não é fazer um storytelling.

Afinal, a sua história com o casal começou muito antes disso, não é mesmo?

A mesma coisa com um ensaio newborn, infantil, gestante. Assim também para todos os ramos da fotografia. 

Histórias despertam desejos tanto quanto a foto. Se você tiver uma excelente foto, mas não tem a história, pode ficar um pouco vago, concorda?

O Storytelling vem para agregar um valor alto e inestimável para a sua fotografia: das pessoas se emocionarem, se encantarem e se apaixonarem por completo.

Histórias reais podem ser simples e rotineiras, mas quando bem contadas, despertam a curiosidade nas pessoas e, muitas vezes, despertam o sentimento “eu quero isso também”.

casamento-com-historia
Fotografia de Rafael Bigarelli

Contando a história do casal

Todo casal tem uma história e, se você está fotografando um momento desse casal, você pode facilmente ir muito mais além.

Quando digo “ir além”, falo para você perguntar, se importar e saber mais sobre a história deles.

Nesse sentido, separamos algumas dicas para você começar a contar histórias do casal, seja no ensaio Pré-wedding, no Casamento ou no Trash The Dress de um jeito diferente:

  • Comece falando um pouco do casal, onde se conheceram, a quanto tempo estão juntos e alguns hobbies que eles possuem;
  • Conte como esse casal chegou até você e qual foi a sensação que vocês tiveram ao seu conhecer;
  • Após essa introdução, ou começo de história, conte como foi o ensaio ou o casamento. Aqui, é uma excelente oportunidade para você introduzir os parceiros que fizeram o momento acontecer;
  • Para finalizar e fechar com chave de ouro a sua história, cite algum momento marcante ou até mesmo conte algo que o casal falou para você;
  • Por último, faça a ficha técnica, linkando o local, buffet, loja de roupa, salão de beleza e etc.
storytelling-casamento
Exemplo de Storytelling para Casamento | Rafael Bigarelli

Famílias possuem muitas histórias

Toda família tem história, aliás, muitas histórias. É claro que você não contará todas, mas é importante ressaltar um momento.

Então, algumas dicas para alguns ensaios envolvendo família:

ensaio-gestante-historia
Fotografia de Gustavo Sousa

Dicas de Storytelling – Ensaio Gestante

  • Conte um pouco sobre a mamãe, se ela tinha dúvidas ou se aguardava ansiosa pelo bebê;
  • Como ela te encontrou, a conexão que vocês tiveram, se a mamãe já sabe o nome para o bebê ou se será surpresa;
  • Finalize com as expectativas da mamãe para o nascimento e conte qual o sentimento da família com a chegada do bebê.
storytelling-gestante
Exemplo de Storytelling para Gestante | Gustavo Sousa Fotografia

Dicas de Storytelling – Ensaio Newborn

ensaio-newborn-história
Fotografia de Gustavo Sousa
  • Se você fotografou a mamãe em um ensaio gestante, já tem o início da sua história, mas agora o foco é o bebê que nasceu;
  • Conte quando e como foi o nascimento, qual o peso e com quantos dias o bebê está;
  • Se possível, inclua elementos no cenário de conexão com a mãe também, como por exemplo, uma manta que já estava na família. Um caso muito sentimental aqui, são as mamães que precisam de injeções ao longo da gestação e optam por ter uma foto com o bebê cercado das seringas. Faça a conexão com o elemento e o bebê;
  • Para finalizar a sua história, conte como foi a sessão fotográfica, se o bebê ficou calmo ou agitado, se chorou, se teve cólica. Se você tiver posts no seu Blog sobre esses assuntos, é uma oportunidade para você citar e colocar o link do seu Blog.
storytelling-newborn
Exemplo de Storytelling de recém-nascido | Gustavo Sousa Fotografia

Ensaio de família e infantil, acompanhamento do bebê ou aniversários infantil

Se você atua nesse ramo da fotografia, acredito que tudo possa ter começado lá atrás, então, aqui é como se você fosse escrever a continuação dessa história;

  • Caso tenha feito o ensaio gestante e o ensaio newborn, faça um resumo e coloque os links para esses posts de portfólio em seu site;
  • No ensaio de família, conte um pouco sobre o casal. Se o pet estiver envolvido, você pode contar até um pouco dele; 
  • Se você foi contratado para o ensaio gestante e newborn, com o acompanhamento mensal do bebê você tem a oportunidade de contar o primeiro ano de vida dele e isso inclui ele engatinhar, às vezes o primeiro dentinho e até mesmo andar;
  • O aniversário de 1 ano é um marco para os pais, e você pode aqui juntar tudo que vivenciou com o bebê e com toda a família.

Storytelling para Fotógrafos de Ensaios Feminino e Sensual

ensaio-feminino-empoderamento
Fotografia de Sibila Ferreira

Ensaio feminino e sensual remetem a uma realização da mulher. Essas realizações podem ser superação, uma realização e, muito provavelmente, está ligado ao autoconhecimento, autoestima e aceitação.

O Fotógrafo de sensual, nesse sentido, precisa contar um storytelling voltado para o empoderamento feminino, para o eu natural e como a mulher se vê e tomou a decisão de fazer um ensaio feminino e sensual, é um excelente começo.

Se a mulher te contratou para um desses ensaios, é porque ela confia em você e gosta muito do seu trabalho, portanto, é muito importante saber como ela chegou até você, como ela conheceu o seu trabalho e se ela foi inspirada por algum trabalho anterior seu.

Sendo assim, você pode começar uma excelente conversa para criar a sua história com algumas perguntas:

  • O que incentivou ela a fazer as fotos;
  • Qual o lado do rosto ela gosta mais;
  • Quais cenário ela gostaria de fazer as fotos, e aqui cabe tanto externo quanto em estúdio;
  • Que tipo de música é preferido e estilo de roupa que ela se sentirá confortável em realizar o ensaio fotográfico;
storytelling-ensaio-femino
Exemplo de Storytelling para ensaio Feminino | Sibila Ferreira

Deixe a conversa fluir para você entender mais, conhecer mais e assim, poder contar uma excelente história que, com certeza, irá incentivar outras mulheres.

Posso fazer Storytelling quando a fotografia não tem pessoas?

Se você é fotógrafo de alimentos, de produtos ou de casas, e chegou até aqui e pensou “ isso não é para mim”, você está enganado.

Storytelling pode (e deve) ser usado por todos os Fotógrafos!

Pois, mesmo quando não há o elemento humano na imagem, não significa que não teve o elemento humano por trás do que está sendo fotografado.

Se você está fazendo uma foto de alimento para um restaurante, conte a história desse restaurante, fale um pouco sobre os proprietários, sobre o local e o atendimento deles.

No caso de uma fotografia publicitária de produtos, para que aquele produto serve, conte a história da marca, dos criadores e até mesmo, fato curioso sobre o produto.

Já em uma fotografia de imóveis, você pode criar uma história, um cenário, um desejo. Sabe um open house  em que a construtora contrata uma empresa e ela inclui a mobília em todo o apartamento ou casa? Então, você pode fazer a mesma coisa, mostrando a casa e todas as possibilidades para vender aquela casa, para morar nela.

Nesse mesmo sentido, aqui também entra a estratégia para os portfólios de arquitetos e designer de ambientes.

Como você tem contado suas histórias?

Agora que você viu que o storytelling na fotografia ajuda a despertar o desejo de compra, além de criar empatia e até mesmo identificação com os personagens, você começará a contar histórias em todos os seus trabalhos?

A princípio, esperamos e muito que sim! Eles fazem a diferença no seu portfólio e, com certeza, isso terá um super diferencial para a sua fotografia e para seu trabalho.

Sem falar que o Google adora esse tipo de conteúdo e, dessa forma, você estará fazendo também um excelente SEO para os posts dos trabalhos.

O Alboom Prosite, que é a ferramenta de criação de site da Alboom, você tem um espaço especial para contar as suas histórias e se diferenciar. 

Então, aproveite! Espero que tenha gostado desse artigo, não esqueça de deixar o seu comentário e compartilhar com os amigos 🙂

2 CommentsClose Comments