Preparem-se para A Retomada!

Após muitas tribulações em 2020, a Retomada do Mercado Fotográfico em 2021 já começa se tornar uma forte realidade.

A Fotografia e o Mercado Fotográfico sempre passaram por transformações.

Porém, em 2020, todo o mercado passou por uma crise sem comparações. O setor de eventos e turismo esteve entre as indústrias mais afetadas pela pandemia.

Consequentemente, o Mercado Fotográfico, que muito depende de eventos, do turismo e de outros setores, esteve entre os segmentos mais afetados.

E quanto ao próximo ano?

Eu e colegas do setor fotográfico estamos tendo alguns sinais muito interessantes. E pouco a pouco os fotógrafos profissionais estão também ficando animados e retornando as atividades.

Isso significa a retomada com toda força?

Vou apresentar aqui alguns sinais e tendências que podem ajudar a nós, fotógrafos e profissionais do setor, tirarmos mais proveito com o aquecimento rápido do setor.

Mais que aquecimento econômico, simplesmente.

Estou apostando em uma retomada mesmo. Mudança da água para o vinho, como dizemos.

a-retomada-do-mercado-fotografico-em-2021
Casamento Larissa e Rogério. Foto por Rafael Bigarelli.

Como Será o Retrato do Mercado Fotográfico em 2021?

Eu acredito que vamos estar diante de processo de retomada do setor fotográfico sem precedentes!

Do mesmo modo que os Fotógrafos e Empresas do setor tiveram que aprender como atravessar a pandemia, deveríamos agora começar a preparar para Retomada.

E aí, principalmente o fotógrafo, que é o centro desse nosso vibrante mercado, precisa estar atento para novas oportunidades que estão surgindo no setor.

Mas antes das oportunidades e tendências que devem surgir, você talvez esteja se perguntando:

Será que o mercado vai ser bom em 2021?

Vamos analisar alguns sinais recentes que reforçam meu grande otimismo para 2021:

  • Até o presente momento, os dois principais eventos presenciais da Fotografia anunciaram as suas datas para 2021: A Feira Fotografar e o Wedding Brasil.
  • Muitos fotógrafos estão conseguindo remarcar para 2021 uma boa parte dos seus compromissos cancelados em 2020. 
  • Os Noivos e Noivas estão começando a se sentir mais confortáveis em retomar seus planos de casamento, principalmente para o segundo semestre de 2021.
  • É possível que teremos uma corrida por reservas de eventos e casamentos para 2021 se existir escassez por datas nas igrejas e salões de festas – um efeito da demanda reprimida.
  • As escolas e universidades deverão voltar a funcionar “normalmente”. Não sei quando, claro. Mas imaginar esse retorno em algum momento no primeiro semestre de 2021 me parece uma aposta bem razoável.
  • E sobre vacina, saúde, não me atrevo a falar nada. Tenho apenas otimismo e confiança que o pior já passou em se falando de pandemia.

Esses sinais soaram razoáveis para você fotógrafo e profissional do setor do mercado fotográfico?

Como empresário, faz parte do meu trabalho acompanhar os sinais do mercado conversando com fotógrafos, colegas e especialistas para compartilhar percepções e opiniões. E posso dizer, há um otimismo consensual e uma motivação muito bacana já para o final de 2020.

2021 será, ao meu ver, um ano que deve revigorar todos que atuam no mercado da fotografia.

Eventos-da-fotografia
Fotos por Papo de Fotógrafo / Rafael Petrocco.

Tendências do Mercado Fotográfico

Os fotógrafos e empresas setor fotográfico aprenderam a fazer do limão uma limonada.

Recentemente, comecei a ver que o efeito da crise gerou transformações, ou melhor, estimulou mudanças positivas nos fotógrafos que vão refletir positivamente na retomada do mercado fotográfico.

Com isso, algumas características e mudanças positivas do mercado fotográfico vão ajudar a acelerar a retomada:

  • Consciência de que a Saúde está em Primeiro Lugar – A Associação Brasileira de Fotógrafos de Recém Nascido, por exemplo, desenvolveu um guia de conduta para o fotógrafo seguir durante a pandemia. Todos estão, cada vez mais, aprendendo a lidar com as normas de saúde e segurança para evitar riscos de contaminação seja pelo Covid como por outras doenças.
  • Segundo pesquisa interna da Alboom, analisando sua nova ferramenta para pagamentos online, o Alboom Pay, as famílias estão comprando Ensaios Natalinos para o fim deste ano, praticamente em condições normais pré pandemia. Para alguns fotógrafos, Dezembro 2020 está realmente parecendo normal no quesito reserva de ensaios fotográficos e um excelente motivador para começarmos 2021 com tudo.
  • Além da venda online, que é absolutamente essencial daqui para frente, estamos ao meu ver entrando com tudo na era do Foto Produto dentro do mercado fotográfico profissional. Os fotógrafos deverão aumentar significativamente o seu leque de opções de álbum impresso e outros foto produtos. Mesmo ocorrendo menos serviços que antes, será possível monetizar mais, melhorar a produtividade e encantar mais o cliente.
  • Empresas como La Madera é um exemplo de empresas do setor fotográfico que deverá crescer muito em 2021. O mesmo para encadernadoras, laboratórios de impressão e associações de fotografia.
  • Black Friday 2020 deve ser muito boa para as empresas de tecnologia no setor da fotografia. Para a Alboom, teremos uma Black Friday inovadora e animada com descontos progressivos e brindes inéditos – com a inclusão de álbum fotográfico, hand strap da Black Hold e outros presentes além de excelentes descontos.

Então, como se preparar para a Retomada?

Além da fotografia de casamento e ensaios, outros setores deverão crescer muito em 2021.

A fotografia voltada a publicidade foi a quinta especialidade mais praticada por fotógrafos profissionais de acordo com o Anuário da Fotografia 2020.

Minha aposta é que este segmento de fotografia voltado a publicidade, ou fotografia corporativa, vai crescer muito devido a melhoria nos sites e do ecommerce de empresas – todos irão investir muito na presença online e modernizando seus canais de venda online daqui para a frente.

Você está também animado com a Retomada do Mercado Fotográfico em 2021?

Vale a pena apostar em algo novo na Fotografia?

De uma forma geral, sim. Mesmo sem mudar seu segmento primário, é possível investir em um novo posicionamento como profissional.

Há nichos novos ganhando força como a Fotografia Pet/Animal, Fotografia de Imóveis, Eventos Escolares e a fotografia para Publicidade.

Também é bom ressaltar a força dos segmentos de Fotografia Newborn e Fotografia Sensual. Eles devem seguir crescendo fortemente.

Para o setor empresas, em termos de tecnologia, a aposta é a organização digital ponta a ponta e online, e isso deverá movimentar bastante empresas como a Alboom, que possuem ferramentas que cobram da presença online, com plataforma de sites e landing pages, à gestão do fluxo de trabalho, escolha de fotos, vendas e pagamentos online.

Alguns outros segmentos merecem ser mencionados:

  • Cursos online: tendência de alta, claro. A profissão fotografo requer mudanças e evolução constantes. Recentemente a Fhox lançou um curso sobre como usar foto produto para transformar o negócio da fotografia, um exemplo de que o fotógrafo precisa se reinventar para melhor aproveitar as tendências do mercado.
  • Crescimento do setor das Encadernadoras e Laboratórios. A boa notícia é que onde há crescimento, há diversificação e investimentos em melhores produtos e também investimentos em marketing e promoções – o que é essencial para o fotógrafo vender mais álbuns fotográficos.
  • Chegada de eventos híbridos, online e presencial, com um crescimento de eventos considerados de pequeno porte. Ver artigo sobre Eventos de Fotografia e Tendências.
fotografia-newborn
Fotos por Papo de Fotógrafo / Rafael Petrocco.

E o fator Concorrência?

É verdade que onde há oportunidade há concorrência.

Também de acordo com o Anuário da Fotografia, há muitos fotógrafos que estão começando, entrando no mercado nesse exato momento. Esses vão querer cada vez mais ir abocanhando as oportunidades que surgem. E o ciclo de amadurecimento tem sido cada vez menor para um fotógrafo iniciante.

Saber se posicionar bem é fundamental para conseguir atrair as oportunidades certas para seu negócio independente do estágio profissional. E, em tempos de Retomada do Mercado Fotográfico em 2021, será muito importante este posicionamento adequado.

Fotógrafos novos e também experientes têm e sempre terão espaço na fotografia – esta é minha opinião. Todos profissionais devem buscar os seus clientes certos, o seu público ideal.

Nesse sentido, o mercado é um campo aberto e com oportunidades para todos os níveis e estilos.

aquecimento-do-mercado-fotografico
Foto por Rafael Bigarelli

Rumo ao Futuro

Se aprendemos, de certa forma, a sobreviver aos impactos da crise, agora é a hora de aprendermos como melhor se preparar para as oportunidades que retornarão ou as novas oportunidades que surgirão no setor fotográfico.

Para estudar melhor o mercado fotográfico profissional no Brasil, é muito importante ler todo o Anuário da Fotografia. Conhecimento e inspiração juntos. Um estudo bem amplo de informação e novidades.

O Blog da Alboom publicou um artigo com diversas formas gratuitas para acessar o Anuário da Fotografia e também uma análise completa do mesmo.

A live do lançamento do Anuário, com a presença especial de Leo Saldanha da Fhox e Marco Perlman da Digipix, pode ser assistida a seguir.

E claro, fiquem todos atentos às oportunidades de nicho.

É bom aproveitar e lembrar que empreender é trilhar um caminho sempre cheio de dificuldades e surpresas.

A resiliência e poder de adaptação são essenciais qualidades que todos temos que ter. Não quis dizer em nenhum momento que será fácil, mas sim cheio de oportunidades para quem tiver foco e dedicação.

Aos Amigos Fotógrafos e Colegas do setor fotográfico, muito sucesso em 2021 e contem sempre a Alboom na sua jornada.

Quero aproveitar e pedir a sua opinião. O que acharam Destas apostas e tendências para o setor fotográfico em 2021?

Rumo ao topo e sucesso sempre!

16 CommentsClose Comments